Muitas pessoas sonham em sair do aluguel e ter a possibilidade de comprar a sua casa própria. Uma ótima alternativa para a realização desse sonho é usar o dinheiro do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – FGTS. Mas para a utilização desse recurso, são necessários cumprir algumas regras, pois, esse benefício só pode ser retirado pelo trabalhador em casos específicos.

Saiba agora como usar o FGTS para financiamento de imóveis e diga adeus ao aluguel.

 

Quem pode usar o FGTS para financiamento de imóveis?

Qualquer trabalhador contratado pelo regime da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT tem direito ao FGTS para financiamento de imóvel. Esse saldo disponível na conta, consiste a 8% do salário mensal do trabalhador e é de obrigação do empregador, depositar em uma conta vinculada ao fundo.

 

fgts-para-financiamento-de-imoveis-rafael-cassio-balneario-picarras-chave

O recuso do FGTS pode ser utilizado apenas para a compra de imóveis?

Não, o saldo da conta vinculado ao FGTS pode ser utilizado em três possibilidades.

  1. Para comprar ou construir imóvel para moradia, como valor total ou parte do pagamento;
  2. Para abatimento ou liquidação do saldo devedor;
  3. Para pagamento de parte do valor das parcelas, podendo utilizar o recurso para diminuir o valor das prestações.

 

Quando pode sacar o benefício do FGTS?

O valor do benefício do FGTS somente pode ser sacado pelo trabalhador nas seguintes circunstancias:

  1. No caso de demissão sem justa causa;
  2. No caso de término de contrato por tempo determinado
  3. Rescisão do contrato por extinção da empresa
  4. Aposentadoria
  5. Falecimento do trabalhador
  6. Idade igual ou superior a 70 anos
  7. Portador de HIV – SIDA/AIDS (trabalhador ou dependente)
  8. Neoplasia maligna (trabalhador ou dependente)
  9. Estágio terminal em decorrência de doença grave (trabalhador ou dependente)
  10. Aquisição de casa própria, liquidação, abatimento de dívida ou para efetuar o pagamento de parte das parcelas do financiamento habitacional

 

Existem outras situações onde o titular da conta pode realizar o saque do benefício. Para mais informações acesse o site da Caixa Econômica Federal e esclareça as suas dúvidas.

 

Regras para usar o FGTS para financiamento de imóveis

Para utilizar do recurso do FGTS para financiamento de imóveis, é necessário está atento as seguintes regras:

Saiba Como Usar o FGTS para Financiamento de Imóveis e Sair do Aluguel

Regra 1 – O primeiro imóvel

O benefício desse recurso só poderá ser usado para adquirir o seu primeiro imóvel, mesmo que você já possua um outro imóvel e esse ainda se encontre em estágio de construção, neste caso, seu requerimento será negado. Embora, em algumas situações é permitido utilizar esse recurso se o imóvel que você possua seja em outro estado.

 

Regra 2 – Localidade do imóvel

Para utilizar desse benefício, o imóvel que você deseja comprar deverá estar na mesma região que reside ou na qual você trabalhe.

 

Regra 3 – Usar o FGTS para construção do imóvel

Para quem deseja usar o benefício do FGTS para a construção do imóvel, saiba que o mesmo deve estar incluído em uma dessas 3 categorias: estar em um consórcio, em uma cooperativa, ou se ele for financiado com a própria incorporadora.

 

Regra 4 – Para quitar dívidas

É possível quitar até 80% das próximas 12 parcelas usando o recurso do fundo. Somente se o imóvel escolhido esteja inserido nas condições específicas do fundo.

 

Regra 5 – Valor do imóvel

Pelas atuais regras para o uso do benefício do FGTS para a compra do seu imóvel, a propriedade escolhida deve estar inserida nas condições do Sistema Financeiro da Habitação – SFH e o seu valor de compra deve ser de até R$ 650 mil para o Estado de Santa Catarina.

 

Regra 6 – Esteja atento

Para utilizar o benefício para quitar as últimas parcelas do financiamento imobiliário, esteja atento, pois somente será possível se o imóvel estiver no nome do titular da conta do benefício.

 

O primeiro passo para sacar o benefício do FGTS é procurar uma agência da Caixa Econômica Federal, levando todos os documentos que correspondem a sua situação e a sua carteira profissional. Caso você já esteja fazendo um financiamento imobiliário, é necessário comparecer na agencia com o contrato e também com os comprovantes dos pagamentos das últimas parcelas.

Utilizar do valor do benefício do FGTS para a compra da sua casa, é uma ótima opção, já que seu reajuste não acompanha o rendimento da poupança e muito menos o da inflação. Por outro lado, a compra de um imóvel é uma ótima maneira de fazer esse capital render, já que se tende a se valorizar bastante. Então, o FGTS que não tem um percentual alto de valorização acaba ganhando uma supervalorização com a correção do imóvel, que é mais alta e segue a tendência de mercado.

 

Ficou com alguma dúvida sobre como conseguir utilizar o FGTS para Financiamento de Imóveis? Deixe sua dúvida logo abaixo e vamos conversar para você sair do aluguel e realizar o seu maior sonho.

 

rafael-cassio-simule-seu-financiamento